Semana da água – Som para relaxar

Depois da aula sobrou aqueles 10 ou 15 minutos… Que tal fazer uma aula de relaxamento, contar uma história levando seus alunos a vivenciar uma experiencia de ir até uma cachoeira, ou uma ilha … Divida o tempo em dois momentos ou use um som para cada dia!

Crianças têm uma grande imaginação, vivenciam experiências únicas…. basta uma simples iniciativa!

Era uma vez… no… 15 crianças (numero de alunos), viajaram para (uma mata, ilha e etc…) e se deparam com uma linda…. enorme… com muitos (animais ex: aves, peixes,) um arco-íris se formou no céu, o sol e a lua estavam lá….use a sua imaginação! Escute a voz do seu coração…

Mandalas de Areia

Essa aula enfatiza o espírito em equipe e de fato prova aos participantes como é essencial desenvolvermos trabalhos coletivos.

Mandala significa círculo em sânscrito. Aqui, ela designa um diagrama simbólico de uma mansão sagrada, o palácio de uma divindade meditacional, representando todas as qualidades iluminadas. A palavra tibetana para mandala é kyilkhor (tib. dkyil khor), centro-círculo. Cada mandala é associada a uma certa divindade; porém, essas divindades não são “deuses” ou “deusas”, mas budas (tib. sangs rgyas/ sangye), seres iluminados que demonstram sua compaixão, sabedoria e habilidade para liberar todos os seres do sofrimento e levá-los ao despertar.

As mandalas de areia


As complexas mandalas, utilizam diversas cores de areia, que são adicionadas ao esboço geométrico utilizando um instrumento chamado chak-pur. Como uma espécie de funil metálico, nele está a areia, que é liberada a partir da vibração do material ao entrar em contato com uma varinha, que fica na outra mão do monge. Dessa forma, é possível controlar a areia como se fosse um líquido e, a partir disso, colorir a mandala.

Assim que a arte fica pronta, ela é destruída. Parte da areia é distribuída para o público, enquanto que o restante é liberado no rio mais próximo como forma de, simbolicamente, espalhar a paz e a cura mentalizada pelos monges no mundo.

O objetivo, segundo eles, é enfatizar a inconstância da vida.

mandala-de-areia-o-simbolismo-da-arte-tibetana-blog-sobre-budismo

Proposta

De 6 a 14 anos

 

Sempre inicie uma atividade pela roda de conversaassim você poderá saber quem já fez essa atividade anteriormente, dando a oportunidade da criança se expressar oralmente ao dividir sua experiência com o grupo. Nesse momento o professor/educador poderá analisar esteticamente  uma imagem/foto de uma mandala de areia com o grupo, fazer alguns apontamentos pertinentes ao repertório artístico do grupo. Agora elas assistirão a um vídeo educativo, nesse caso, de monges Tibetanos construindo uma mandala de areia, durante o vídeo faça pequenas pausas, e conversem sobre: trabalho em equipe, respeito, tolerância, calma, bondade, concentração, foco, generosidade, determinação e desapego “material”. Valores que serão visualizados no vídeo. Após assistirem, iniciam-se o processo criativo das mandalas, nessa etapa deixem que eles se organizem com o material, veja se o grupo demostra afinidade ou dificuldade  em trabalhar de forma colaborativa. Não esqueça de colocar uma música ambiental! De preferencia a mantras tibetanos (sino tibetano). Ao finalizarem as mandalas… é a hora de cada um falar sobre a experiência adquirida, no fechamento/ exposição o educador poderá fazer diversas perguntas, como: você gostou da música? A textura do material te lembra algo?  Você ficou triste em desmanchar a mandala? Se possível, deixe que eles levem pra casa um pouquinho da mandala, coloque num potinho, ou saquinho e amarre.

Material

  • Areia colorida (pode ser de maisena com anilina)
  • pedrinhas coloridas
  • tampas de pizza
  • saquinho ou potinho para levar
  • música ambiental – sino tibetano

Vídeo educativo

Música Ambiental

Fotos

 

Revista de literatura educacional de sustentabilidade

O conteúdo disponível no post de hoje é de extrema valia para os interessados nos seguintes temas:

  • SUSTENTABILIDADE EDUCACIONAL
  • ECOPEDAGOGIA
  •  CIDADANIA PLANETÁRIA

Esse material é praticamente um presente! Tem tudo o que você educador precisa saber… Ao lê-lo, será difícil conter as emoções, é um lindo trabalho realizado por Alessio Surian.

 O que de fato é uma VIDA SUSTENTÁVEL?

“estilo de vida que harmoniza a ecologia humana e a ambiental mediante tecnologias apropriadas, economias de cooperação e o empenho individual. É um estilo de vida intencional que se caracteriza pela responsabilidade pessoal, serviço aos demais e uma vida espiritual com sentido. Um estilo de vida sustentável relaciona-se com a ética na gestão do meio ambiente e na economia, buscando satisfazer as necessidades de hoje em equilíbrio com as necessidades das futuras gerações”.

Moacir Gadotti (2009, p. 74)

 

REVISTA DE LITERATURA EDUCACIONAL DE SUSTENTABILIDADE


 

Em PDF. no link abaixo:

http://www.forummundialeducacao.org/documentos/sustentabilidade.pdf

Site:

http://www.forummundialeducacao.org/?page_id=1875

ES Logo HiRes

Isoporgravura

 A isoporgravura é uma arte baseada na xilogravura

xilogravura

substantivo feminino
  1. 1.
    arte e técnica de fazer gravuras em relevo sobre madeira.
  2. 2.
    estampa obtida através dessa técnica.
    A técnica mais antiga de gravura é a xilogravura, que foi inventada como um método de impressão sobre tecido na China, no Egito e no Império Bizantino. A técnica alcançou a Europa através dos Impérios Bizantino e Islâmico antes de 1300. O papel chegou à Europa um pouco depois, também vindo da China através da Espanha Islâmica e já era fabricado na Itália.

A técnica de isoporgravura é muito utilizado por arte-educadores, pois ensinar a xilogravura para crianças requer muito cuidado, e dependendo da idade, é quase impossível, pois necessita força e muita atenção ao manusear as goivas!

Proposta


Usando a ponta do lápis para fazer um desenho em uma bandejinha de isopor, afundando o lápis para que ficasse um desenho em baixo relevo, depois passamos com um rolinho um pouco de tinta e pressionamos a bandejinha sobre a folha. Aperte todos os cantos da folha sobre o isopor.

 

ARTISTA PARA REFERENCIAR A AULA


 

Meditação para crianças

Uma proposta que ajudará as crianças a controlarem suas emoções de uma forma sabia e consciente!

Vamos fazer uma aula de meditação para as crianças?

POR QUÊ?

Meditar é uma das maiores artes da vida, talvez a maior de todas!

Meditar é muito mais que focar a atenção em algo concreto, em um pensamento, na respiração ou no próprio corpo. Meditação é a compreensão da totalidade da vida, na qual não existe mais nenhuma espécie de fragmentação.

Ensinar as crianças a prestarem a atenção em um objeto, na sua respiração, nos movimentos do corpo, é um simples exercício, e não podemos dizer que isso é meditação de fato! Esses ” exercícios” ajuda a criança a focar sua atenção, propiciando calma, concentração e autocontrole de suas emoções… Para que futuramente, ela por si só, descubra o que é meditar. Ter uma mente livre e consciente.

Meditação não é o controle do pensamento, porque, quando o pensamento é controlado, gera conflito na mente, mas, quando se compreende a estrutura e a origem do pensamento, o pensamento então não mais interfere. Essa compreensão da estrutura do pensar é a sua própria disciplina, que é meditação.

Meditação é estar cônscio de cada pensamento de cada sentimento, nunca dizer que ele é certo ou errado, porém simplesmente observar e acompanhar seu movimento. Nessa vigilância, compreender o movimento total do pensamento e do sentimento.

KRISHNAMURTI

Para que serve a meditação para as crianças


 

Ajudar a compreender seus pensamentos e sentimentos, uma ferramenta de autoconhecimento. Meditar é uma das maiores artes da vida. E estimular a criança a essa prática é fundamental, se queremos ver crianças, felizes e conscientes.

“Quando aplicada corretamente, a meditação ensina a criança a ter autocontrole”, diz a psicóloga norte americana Deborah Rozman, autora de Meditação para Crianças. Segundo ela, estudos comprovaram que a meditação ajuda pequenos muito inquietos a controlar o temperamento.

Achei na internet uma lista de benefícios da meditação, escritas por Patricia Diaz:

1. Será mais responsável, tanto das suas coisas materiais como das suas emoções, da sua vida e da sua felicidade.

2. Gostará mais de si mesmo.

3. Poderá se concentrar melhor ao ser capaz de focar sua atenção no que deseja, sem cair em distrações.

4. Terá menos ansiedade e menos estresse.

5. Dormirá melhor.

6. Será menos impulsivo.

7. Terá mais autoestima, e mais segurança em si mesmo.

8. Melhorará o seu rendimento acadêmico.

9. Melhorará o controle das suas emoções.

10. Melhorará suas relações sociais. Mostrará mais empatia e gratidão.

11. Melhorará o seu sistema imunológico.

12. Será menos violento.


Atividade- Exercício de Respiração

Faixa etária: A partir de 6 anos.

Os objetivos são diversos, porém o principal é o autoconhecimento.

Proposta



 image1 (1)

Em um ambiente arejado, limpo e  aconchegante, com os pés descalços e livres, formar um círculo com as crianças e explicar a elas sobre a meditação, necessário que o educador já tenha praticado alguns exercícios, ou seja simpatizante dessa prática. Após a explicação, deixem que eles busquem a melhor posição para relaxar e prestar a sua total atenção na respiração. Agora você direciona as técnicas de respiração ao grupo. Temos essa dica de atividade:

“Em Los Angeles, nos Estados Unidos, existe uma fundação chamada Inner Kids. Uma das atividades desenvolvidas por eles é uma prática de relaxamento com atenção na respiração em que as crianças ficam deitadas com um ursinho de pelúcia sobre a barriga. Isso ajuda a treinar a atenção para a respiração abdominal. Como o foco é o movimento do ursinho sobre a barriga, as crianças tendem a se manter ligadas na prática”

image2 (1).jpeg

 

 

 

 

Ideias Natalinas

 

Se aproxima o Natal, data comemorativa que tornou-se ao longo dos anos uma data ligada diretamente ao consumismo. Pouco se fala de sua essência e verdadeira ligação (suas raízes). Enfim, acredito que o verdadeiro espírito natalino, não tem credo e nem religião, podemos ser neutros em repassar essa mensagem nas escolas, através de experiências práticas de amor, solidariedade, união e fraternidade, onde as estimularemos com atividades artísticas. Mas para ser sincera… esse espírito natalino deve perpetuar-se por todo ano escolar.

Desejando Paz e Amor todo MOMENTO…

Afinal, sempre sobra para o professor de artes decorar a escola! Não é?

Então aproveite algumas dicas de atividades artísticas realizadas:

  • Mobiles de CD;
  • Cartões de bandeja de isopor com tampinhas;
  • Árvores de cápsulas de café;

 

 

24 de Novembro dia do Rio – No Brasil, matamos um rio… o Rio Doce

Rio Doce é o retrato da maior tragédia ambiental do Brasil

Ribeirinhos, agricultores, peixes, gado e animais silvestres integram longa lista de atingidos pela catástrofe que alcançou o Oceano Atlântico pelo leito do Rio Doce. Uns não podem mais usufruir das águas. Outros morreram vítimas delas.

Rio Doce, Santa Cruz do Escalvado, Periquito, Galileia, Resplendor e Aimorés – Juliano Reis, um pescador profissional de 38 anos, parece não acreditar no que os próprios olhos avistam no encontro das águas que dá origem ao Rio Doce: “Tinha uma capoeira, onde ficavam as capivaras, bem ali, no encontro do Rio Piranga com o Carmo. A lama destruiu tudo, arrastou e matou os bichos. Não tem como a gente se conformar com o que ocorreu”. Ele se refere ao tsunami de rejeito de minério liberado pelo estouro da Barragem do Fundão, em Mariana, de propriedade da Samarco, uma joint venture entre as gigantes do minério Vale e a anglo-australiana BHP Billiton. Mas não foi a vida aquática a única sufocada: o desastre devastou matas ciliares e mudou a fauna às margens do rio. Lugares que eram habitados por lontras, patos selvagens e outras espécies agora são ocupados por montes de rejeito mineral, em um crime ambiental mapeado pelo Estado de Minas em todo o trajeto mineiro do Rio Doce.

É a maior tragédia ambiental em Minas Gerais e no país, e, no mundo, o maior desastre da mineração. “Mais de 120 nascentes foram soterradas”, lamenta Carlos Eduardo Silva, diretor do comitê federal da Bacia do Rio Doce, o maior curso d’água que corre exclusivamente no Sudeste brasileiro, com 853 quilômetros de extensão.

Fonte:http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2015/11/22/interna_gerais,710391/rio-doce-e-o-retrato-da-maior-tragedia-ambiental-do-brasil.shtml

Terra e Sustentabilidade – documentário completo

Para entender um pouco mais de sustentabilidade!

Aula de artes + Geografia = Interatividade e interdisciplinariedade.

O documentário Terra e Sustentabilidade apresenta os benefícios de um dos sistemas agrícolas mais eficientes do ponto de vista da sustentabilidade e da produtividade no campo, o sistema de manejo agrícola Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF), que tem como objetivo integrar produção de alimentos, fibras, energia e madeira, realizados na mesma área, em cultivo consorciado, em sucessão ou rotação.
Terra e Sustentabilidade mostra que as vantagens da recuperação de áreas e integração de cultivos são muitas: redução de custos de produção, melhor uso da terra, mais eficiência no uso da mão de obra e dos recursos de produção e uso adequado de energia, além da redução de emissões de gases de efeito estufa.
A John Deere participa ativamente do programa integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF). A empresa apresenta aos produtores, por meio de dias de campo, os benefícios sociais, ambientais e econômicos da rotação de culturas, com pastagens e plantio de espécies florestais. “A John Deere tem organizado uma série de eventos e encontros com os agricultores, o que permite a ampliação da transferência de tecnologia e conhecimento técnico-cientifico aos produtores rurais”, diz Alfredo Miguel Neto, diretor de Assuntos Corporativos América Latina da John Deere.

O ponto, a linha e as formas livres no disquete – Composição Tridimensional

O ponto, a linha e as formas podem ser trabalhados em sala de aula através da beleza da natureza. Ao invés de passar as obras de grandes metres da pintura ( Monet, Kandinsky, Klee, Miró e outros) podemos apresentar imagens praticamente impossíveis de ver-se, de viver-se…  Afinal existem lugares mágicos e inacessíveis no planeta. Sorte daquele que fez essas imagens (vídeos abaixo).

Partindo desse horizonte natural e emocionante… busquei vídeos (timelapse) que possam compartilhar imagens incríveis, momentos únicos que transbordam linhas, pontos e formas.

A natureza é a chave mais preciosa para estimular nossa criatividade e emoções.  A mais pura forma de liberdade das linhas e dos pontos. Ela é completa, simples assim… O homem pode pintá-la, mas não pode ser a natureza, você entende? Ela é perfeita.

ATIVIDADE

O ponto, a linha e as formas livres 

EDUCAÇÃO INFANTIL – FUND. I E FUND II


Para começar :

Explicativa

Faça uma pequena apresentação sobre o tema, explique (explicação adequada) de acordo com a faixa etária da turma.

Ilustrativa

Desenhe sempre para ilustrar melhor sua explicação, assim você ajuda eles (alunos) a memorizarem melhor, pois quando damos diferentes opções, possibilitamos um melhor aprendizado.

Por que?  Já sabemos que cada indivíduo aprende de uma maneira,”forma” diferente!

Deixem (os alunos) dividirem suas experiências com a turma, pois eles adoram falar…. professor aprenda a escutar.

Passe o vídeo educativo (segue algumas dicas abaixo)

Uma roda de conversa (os envolvidos na atividade) onde o assunto seja  as imagens, amarrando assim as ideias!

Passe o vídeo

Prática

Crie uma composição artística, faça algo de sua preferência.

Nós realizamos essa:

image1 (7)

image4 (4) image5 (2) image6 (1) image7 image9

Vídeos Educativos

Início da Primavera – 23 de Setembro

Uma estação encantadora, pois nos proporciona belezas e sensações únicas, exclusivas da Primavera. Bela essa primavera, que nos hipnotiza com sua formidável e delicada lindeza.

Sugestões de aulas não faltam…. Usar o espaço externo, como: pátios, parques e praças e sem dúvida uma ótima opção! As melhores vivências são as que realmente vivenciamos trocando experiências em diferentes espaços e lugares.

 Esse vídeo é uma  R E  L Í Q U I A , assista e veja se estou enganada!

Realmente uma obra de arte. Uma viajem surrealista!

A atividade fica por conta da sua criatividade, afinal você pode ir além…..  Mas, genial uma peça de T E A T R O , bem fica a dica!


Proposta: A Primavera Surrealista

Turmas: Fund. I e II 

Vídeo Educativo: converse com a turma sobre o conteúdo que eles acabaram de assistir.

Para o Professor :

PRIMAVERA

O movimento de translação (deslocamento da Terra em torno do Sol), juntamente com a inclinação do eixo terrestre em 23°27’ em relação ao plano orbital, é responsável pela variação de energia solar que atinge a superfície terrestre em uma determinada época do ano. Esse fenômeno é responsável pelas estações do ano: primavera, verão, outono e inverno.

A primavera é a estação do ano que tem início com o fim do inverno. No Hemisfério Sul, a primavera começa no dia 23 de setembro e termina no dia 21 de dezembro; no Hemisfério Norte, essa estação inicia no dia 22 de março e termina em 21 de junho.

A principal característica da primavera é o reflorescimento da flora, sendo considerada a estação mais florida do ano. Esse período é marcado por belas paisagens formadas pela natureza, com uma grande diversidade de flores, tais como orquídeas, jasmim, violeta, hortênsia, crisântemo, entre outras.

A temperatura durante a primavera é bastante agradável. No entanto, é importante ressaltar que essas estações são bem definidas apenas na Zona Temperada do Norte (entre o Círculo Polar Ártico e o Trópico de Câncer) e na Zona Temperada do Sul (entre Círculo Polar Antártico e o Tropico de Capricórnio).

Texto: Wagner de Cerqueira e Francisco
Graduado em Geografia