Revista de literatura educacional de sustentabilidade

O conteúdo disponível no post de hoje é de extrema valia para os interessados nos seguintes temas:

  • SUSTENTABILIDADE EDUCACIONAL
  • ECOPEDAGOGIA
  •  CIDADANIA PLANETÁRIA

Esse material é praticamente um presente! Tem tudo o que você educador precisa saber… Ao lê-lo, será difícil conter as emoções, é um lindo trabalho realizado por Alessio Surian.

 O que de fato é uma VIDA SUSTENTÁVEL?

“estilo de vida que harmoniza a ecologia humana e a ambiental mediante tecnologias apropriadas, economias de cooperação e o empenho individual. É um estilo de vida intencional que se caracteriza pela responsabilidade pessoal, serviço aos demais e uma vida espiritual com sentido. Um estilo de vida sustentável relaciona-se com a ética na gestão do meio ambiente e na economia, buscando satisfazer as necessidades de hoje em equilíbrio com as necessidades das futuras gerações”.

Moacir Gadotti (2009, p. 74)

 

REVISTA DE LITERATURA EDUCACIONAL DE SUSTENTABILIDADE


 

Em PDF. no link abaixo:

http://www.forummundialeducacao.org/documentos/sustentabilidade.pdf

Site:

http://www.forummundialeducacao.org/?page_id=1875

ES Logo HiRes

Isoporgravura

 A isoporgravura é uma arte baseada na xilogravura

xilogravura

substantivo feminino
  1. 1.
    arte e técnica de fazer gravuras em relevo sobre madeira.
  2. 2.
    estampa obtida através dessa técnica.
    A técnica mais antiga de gravura é a xilogravura, que foi inventada como um método de impressão sobre tecido na China, no Egito e no Império Bizantino. A técnica alcançou a Europa através dos Impérios Bizantino e Islâmico antes de 1300. O papel chegou à Europa um pouco depois, também vindo da China através da Espanha Islâmica e já era fabricado na Itália.

A técnica de isoporgravura é muito utilizado por arte-educadores, pois ensinar a xilogravura para crianças requer muito cuidado, e dependendo da idade, é quase impossível, pois necessita força e muita atenção ao manusear as goivas!

Proposta


Usando a ponta do lápis para fazer um desenho em uma bandejinha de isopor, afundando o lápis para que ficasse um desenho em baixo relevo, depois passamos com um rolinho um pouco de tinta e pressionamos a bandejinha sobre a folha. Aperte todos os cantos da folha sobre o isopor.

 

ARTISTA PARA REFERENCIAR A AULA